Escolas têm de sinalizar semanalmente alunos incontactáveis

 





Os agrupamentos vão ter de sinalizar semanalmente alunos que não consigam contactar ou não participem nas atividades de ensino à distância. As comissões de proteção de crianças e jovens (CPCJ) devem reforçar a vigilância.

Os ministérios da Educação e do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social enviaram esta sexta-feira novas orientações às escolas por causa do acolhimento em regime presencial das crianças e jovens em risco.

As novas situações sinalizadas pelas escolas devem ser comunicadas às CPCJ, "designadamente os alunos que se encontrem em risco de abandono escolar", devendo as comissões "encetar os procedimentos necessários para que os alunos possam transitar para regime presencial", lê-se no comunicado conjunto enviado à Imprensa.

Direções dos estabelecimentos e equipa multidisciplinar de apoio à Educação Inclusiva devem identificar semanalmente os alunos com quem os professores não conseguiram contactar ou não participaram nas atividades letivas à distância (síncronas ou assíncronas). Sempre que as ausências não sejam justificadas pelos encarregados de educação, os casos devem ser comunicados às CPCJ, que agirão "de acordo com os procedimentos legalmente definidos".

No caso das crianças e jovens já sinalizadas antes do fecho das escolas, o Governo pede às CPCP que reforcem o acompanhamento, "sempre que possível", através de contactos presenciais ou visitas.

Recorde-se que um inquérito da Federação Nacional de Professores (Fenprof), durante o confinamento no ano passado, revelou, em maio, que mais de metade dos professores (56%) não tinham conseguido contactar todos os seus alunos desde o fecho das escolas em março.

Os alunos do Pré-Escolar ao 12.º ano regressam ao ensino à distância a partir de segunda-feira.

Fonte: Escolas têm de sinalizar semanalmente alunos incontactáveis (jn.pt)

+ Sobre Educação

Este blog foi criado por um aluno do Ensino Básico, com objetivo de informar e ajudar a comunidade educativa, partilhando opiniões, notícias e materiais de apoio. Este espaço foi criado a 17 de julho de 2020, durante as férias de verão. Esta casa tem vindo a crescer dia-a-dia e espero ficar aqui durante longos anos. facebook blogger

Enviar um comentário

Todos os comentários, são sujeitos a moderação.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Formulário de Contacto