Marta Temido demitiu-se

Marta Temido apresenta demissão, António Costa já aceitou

A ministra da Saúde, Marta Temido, apresentou esta terça-feira a demissão “por entender que deixou de ter condições para se manter no cargo”.

O primeiro-ministro recebeu o pedido e aceitou-o. António Costa agradece “todo o trabalho desenvolvido” por Marta Temido, “muito em especial no período excecional do combate à pandemia”.









Vê isto...

Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem