Um verdadeiro ‘upgrade’ na escola portuguesa

Como estudante, esta observação é verdadeira, a escola portuguesa precisa de Inovar, conteúdos programáticos adaptados à geração, de modo que demonstremos mais interesse sobre a escola.

Falar mais sobre a atualidade no mundo, falar mais sobre educação financeira e como este mundo está a evoluir com as criptomoedas, mais projetos que envolvam alunos como o Ubuntu, e há muito mais por explorar…

Na minha opinião precisamos de um verdadeiro ‘upgrade’ na escola portuguesa, como referia Tânia Gaspar: a necessidade de a escola “se atualizar e conseguir acompanhar os jovens no seu modo de contacto com o conhecimento”. 

E a necessidade deste ‘upgrade’ não vem de agora, já deveria ter sido feito há muito tempo e deve acompanhar as necessidades de uma geração, e não estamos a fazê-lo, mas um dia vai ter que ser feito — mais cedo ou mais tarde.

A escola é cada vez mais vista como uma espécie de prisão, e temos que mudar esse paradigma, e se o mudarmos, acredito que este estudo terá outros resultados (claramente satisfatórios).

E com isto surgem questões: “Será que algum dia vamos conseguir inovar?”; “Será que teremos uma mudança significativa” — tudo incógnitas.

Adolescentes gostam menos da escola e acham a matéria demasiado aborrecida. Professores não estão surpreendidos – Observador



Vê isto...

Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem